Páginas

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

A "turista" da saúde bucal foi exonerada... Mas o buraco é bem mais embaixo

O caso da (agora ex)coordenadora de saúde bucal do ministério da saúde que foi fazer turismo na Europa ancorada em um providencial "atestado médico" teve ampla divulgação na internet.

O que estamos sabendo agora é que existem evidências de que a viagem (ou parte dela) foi custeada pela Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos, Odontológicos, Hospitalares e de Laboratórios (Abimo). A entidade (Abimo) tem altos interesses no ministério da saúde. É gravíssimo que uma autoridade receba presentes (apitos, espelhinhos ou passagens aéreas) de uma entidade privada que tem interesses na instituição onde ela exerce cargo de confiança.

A moça viajeira (aspirante a deputada) foi exonerada. 

Para isto ter acontecido no (desgoverno) golpista e quadrilheiro que está aí, imagine só o tamanho da encrenca que a moça deve ter aprontado...

SERVIDORA QUE PEGOU ATESTADO MÉDICO E FEZ TOUR “SOLTAS EM MADRI” É EXONERADA


A dentista Patrícia Lima Ferraz foi exonerada do cargo de coordenadora do Programa de Saúde Bucal do Ministério da Saúde. A decisão, publicada hoje no Diário Oficial, ocorre duas semanas depois de a Coluna do Estadão revelar que Patrícia fez um tour em Madri com as amigas no início de novembro, quando oficialmente ela estava de licença médica. A pasta não se manifestou sobre a decisão.

Ligada ao PSC do Amapá, Patricia conjugou três dias de licença médica com feriado e fim de semana para, de acordo com ela, fazer um tratamento de saúde. Ao lado de amigas, porém, tirou fotos em pontos turísticos divulgadas nas redes sociais com legendas “Soltas em Madri”, “Férias 2016”.

A viagem foi feita no dia 1 de novembro à noite. A volta ocorreu na terça seguinte, dia 8. O retorno, no entanto, pode ter sido antecipado. O Estado teve acesso a passagens compradas pela Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos, Odontológicos , Hospitalares e de Laboratórios (Abimo) para Patrícia com partida de Paris, no dia 10 de novembro com destino à cidade portuguesa Porto. O retorno estava marcado para o dia 12. Neste período, foi realizado na cidade um congresso de odontologia, com participação da Abimo. Procurada, a associação confirmou a compra da passagem.

De acordo com a entidade, por julgar “que seria importante que a coordenação de saúde bucal conhecesse o evento” . Em nota, porém, a Abimo afirmou que Patrícia não participou do evento “pois estava no Brasil e sequer utilizou a passagem da nossa entidade. ” A Abimo afirmou ter comprado a passagem partindo de Paris por ter sido informada de que Patrícia estaria na Europa durante esse período.

Nenhum comentário:

Postar um comentário